Em visita ao Brasil, diretora regional da ONU Mulheres discutirá agenda de direitos

Em visita ao Brasil esta semana, a diretora regional da ONU Mulheres para Américas e Caribe, Maria-Noel Vaeza, discutirá com autoridades brasileiras um reforço à agenda de direitos das mulheres, impulsionada pela Geração Igualdade. A campanha internacional é voltada à ação de agentes-chave para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) até 2030.

Maria-Noel Vaeza é diretora regional da ONU Mulheres para Américas e Caribe. Foto: ONU Mulheres/Gustavo Dantas

Maria-Noel Vaeza é diretora regional da ONU Mulheres para Américas e Caribe. Foto: ONU Mulheres/Gustavo Dantas

Os 25 anos da Declaração e Plataforma de Ação de Pequim e os cinco anos da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável são temas de audiências da diretora regional da ONU Mulheres para Américas e Caribe, Maria-Noel Vaeza, com autoridades do governo brasileiro, em Brasília (DF).

Vaeza cumprirá missão, de 20 a 23 de fevereiro, na capital federal e no Rio de Janeiro (RJ), acompanhada da representante da ONU Mulheres Brasil, Anastasia Divinskaya.

Em Brasília, nos dias 20 e 21 de fevereiro, a diretora regional da ONU Mulheres para as Américas e o Caribe terá audiências com autoridades do Executivo, Legislativo e Judiciário Federais.

Nestes encontros, serão discutidas convergências e reforçadas alianças estratégicas em relação às agendas global, regional e nacional. Além dos compromissos com parceiros do Estado Brasileiro, haverá também ao longo destes dois dias diálogo com autoridades e equipe das Nações Unidas no Brasil.

Serão momentos para reforçar a agenda de direitos das mulheres, impulsionada pela campanha internacional Geração Igualdade, voltada à ação de agentes-chave para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) até 2030.

Serão, também, os primeiros encontros formais da representante da ONU Mulheres Brasil, Anastasia Divinskaya, com autoridades brasileiras desde a sua incorporação ao escritório, em dezembro de 2019.

A diretora regional da ONU Mulheres para Américas e Caribe se deslocará para o Rio de Janeiro (RJ), onde, no sábado (22), terá encontro com as participantes do programa “Uma Vitória Leva à Outra”, da ONU Mulheres e do Comitê Olímpico Internacional (COI).

À noite, o grupo se juntará à jogadora brasileira Marta Silva, embaixadora da Boa Vontade da ONU Mulheres e defensora dos ODS, para desfile na escola de samba Inocentes de Belford Roxo, às 22h45, na Marquês de Sapucaí.

A jogadora de futebol será homenageada pela sua colaboração ao esporte e ao encorajamento de mulheres e meninas em todo o mundo, além da sua atuação nas Nações Unidas para alcance dos objetivos globais – entre eles o Objetivo nº 5 – Alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas.

Dezesseis adolescentes do programa “Uma Vitória Leva à Outra” representarão as mais de 1 mil participantes da iniciativa, lançada em 2016 como legado dos Jogos Olímpicos do Rio.