Dia Mundial da Diabetes – 14 de novembro de 2011

“O Dia Mundial da Diabetes é uma oportunidade para aumentar a conscientização e mostrar para as 227 milhões de pessoas vivendo com diabetes que a comunidade internacional está com elas em sua luta.” Mensagem do Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon.

Dia Mundial da Diabetes – 14 de novembro de 2011Mensagem do Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon.

O Dia Mundial da Diabetes este ano acontece em meio a um momento de ações internacionais sem precedentes para combater esta e outras doenças não transmissíveis.

Há apenas dois meses, a Assembleia Geral das Nações Unidas realizou sua primeira Reunião de Alto Nível sobre a Prevenção e o Controle de doenças não transmissíveis, produzindo uma forte Declaração Política, com compromissos com prazos determinados. Entre eles estava uma promessa de tornar possível para mais pessoas o acesso aos medicamentos de qualidade para o diagnóstico e o tratamento da diabetes até o ano de 2013.

A Declaração Política também pediu ao setor privado que faça sua parte, com base no 8° Objetivo de Desenvolvimento do Milênio, que pede parcerias com empresas farmacêuticas para fornecer acesso aos medicamentos essenciais nos países em desenvolvimento.

Temos visto progressos significativos neste sentido. Uma empresa introduziu um esquema de preços diferente para fornecer genéricos de insulina aos países menos desenvolvidos, beneficiando três dúzias de Estados até o momento. Mas este mecanismo não pode responder sozinho. Nós devemos introduzir novos parceiros. E nós devemos tratar dos sistemas de distribuição insuficientes e da falta de financiamento público para medicamentos.

O Dia Mundial da Diabetes é uma oportunidade para aumentar a conscientização e mostrar para as pessoas vivendo com diabetes que a comunidade internacional está com elas em sua luta. Isto é especialmente importante para as 227 milhões de pessoas com diabetes vivendo nos países em desenvolvimento. Frequentemente, esta doença atinge os mais pobres de uma forma particularmente dura, causando ataques cardíacos, derrames, cegueira, amputações de membros, insuficiência renal e morte prematura.

Eu peço aos governos e às empresas farmacêuticas que deem um verdadeiro significado para nossas celebrações, desenvolvendo estratégias conjuntas para tornar os medicamentos essenciais disponíveis e acessíveis nos países em desenvolvimento, especialmente para as pessoas mais pobres que precisam deles.

Vamos usar o Dia Mundial da Diabetes para trabalhar, para que as pessoas com diabetes em todo o mundo recebam os cuidados e os tratamentos que elas merecem.