Davos: ONU pede um bilhão de dólares para o combate ao ebola

O apelo foi feito no Fórum Econômico Mundial que acontece em Davos, na Suíça, e tem por objetivo apoiar os governos da Guiné, Libéria e Serra Leoa no combate à doença.

Centro de tratamento do ebola da ONU em Guiné. Foto: ONU/Ari Gaitanis

Centro de tratamento do ebola da ONU em Guiné. Foto: ONU/Ari Gaitanis

As Nações Unidas pediram, nesta quarta-feira (21), um bilhão de dólares para combater o ebola na África Ocidental, nos primeiros seis meses de 2015.

“Estamos começando a ver um declínio geral no número de novos casos a cada semana”, disse o Enviado Especial das Nações Unidas para o Ebola, David Nabarro, Davos (Suíça), no Fórum Econômico Mundial de 2015, onde líderes globais, empresários, organismos internacionais, universidades e sociedade civil estão reunidos para diálogos estratégicos sobre eventos e tendências do mundo.

“Este é um apelo de fundos para apoiar os esforços dos governos da Guiné, Libéria e Serra Leoa para ajudá-los a identificar e tratar as pessoas afetadas pelo ebola e termos um rápido fim do surto, restabelecer os serviços sociais essenciais e melhorar a alimentação das pessoas e segurança nutricional”, disse Nabarro.