COVID-19: agentes que atuam na Tríplice Fronteira recebem equipamentos de proteção

Agentes públicos da Polícia Federal e da Secretaria de Saúde de Foz do Iguaçu (PR) que atuam na fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai receberam esta semana uma doação de 80 termômetros infravermelhos e 2.160 máscaras N-95 para se proteger da COVID-19.

A doação foi feita pelo projeto de cooperação EUROFRONT, financiado pela União Europeia e implementado por Organização Internacional para as Migrações (OIM) e parceiros.

Doação de equipamentos de proteção reforça segurança de agentes que atuam na Tríplice Fronteira em Foz do Iguaçu (PR). Foto: OIM

Doação de equipamentos de proteção reforça segurança de agentes que atuam na Tríplice Fronteira em Foz do Iguaçu (PR). Foto: OIM

Agentes públicos da Polícia Federal e da Secretaria de Saúde de Foz do Iguaçu (PR) que atuam na fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai receberam esta semana uma doação de 80 termômetros infravermelhos e 2.160 máscaras N-95 para se proteger da COVID-19.

A doação foi feita pelo projeto de cooperação EUROFRONT, financiado pela União Europeia e implementado por Organização Internacional para as Migrações (OIM), Organização Internacional Ítalo-Latino Americana (IILA) e Fundación Internacional y para Iberoamérica de Administración y Políticas Públicas (FIIAPP).

“Esperamos com esta doação possa contribuir na proteção dos funcionários que atuam nos pontos de fronteira e de controle sanitário em Foz do Iguaçu para que continuem realizando suas atividades com segurança”, disse a coordenadora de projeto da OIM, Natália Maciel, que realizou a entrega dos materiais na sede da Delegacia da Polícia Federal na quinta-feira (18).

A Tríplice Fronteira possui um alto volume de circulação de pessoas e mercadorias, sendo uma das principais fronteiras terrestres do Brasil. Mesmo fechada devido à pandemia, o trabalho dos agentes continua com o controle de mercadorias e da circulação de pessoas com autorização de trânsito, bem como nas fiscalizações.

O delegado da Polícia Federal em Foz do Iguaçu, Mozart Fuchs, destacou que o município é considerado um dos principais destinos turísticos brasileiros. Com a retomada de algumas atividades desde o último dia 10, como a reabertura do Parque Nacional do Iguaçu, da Itaipu Binacional e de outros locais, o fluxo de pessoas nos próximos dias deve aumentar.

“A doação dos equipamentos de proteção individual pela OIM é importante neste momento de retomada das atividades para evitar que os agentes do Estado, responsáveis pelas ações de fiscalização, tornem-se foco de propagação do novo coronavírus”, destacou o delegado.

EUROFRONT

A doação dos materiais na Tríplice Fronteira é parte da primeira ação do projeto regional EUROFRONT, desenvolvido em quatro fronteiras terrestres da América Latina com financiamento de União Europeia e gestão de OIM, IILA e FIIAPP. Os demais países envolvidos são Argentina, Paraguai, Colômbia, Peru, Bolívia e Equador.

“A cooperação sobre a segurança cidadã e o enfrentamento ao crime organizado é uma área essencial de cooperação entre a União Europeia e o Brasil. Em um momento onde todos os países enfrentam os desafios impostos por uma pandemia, foi necessário adaptar-se a essa situação excepcional”, ressaltou o embaixador da União Europeia no Brasil, Ignacio Ybáñez.

“A União Europeia sente-se honrada em contribuir de forma proativa, para adotar medidas de combate à pandemia no âmbito da ação do programa EUROFRONT. Para nós, é uma enorme satisfação contribuir para a proteção dos agentes de polícia.”

O projeto EUROFRONT visa melhorar os mecanismos de coordenação entre os países e dar suporte ao enfrentamento ao tráfico de pessoas e ao contrabando de migrantes.