Coreia do Norte: Conselho de Segurança condena lançamentos de mísseis

Segundo declaração presidencial do órgão da ONU, ações são “graves violações das obrigações internacionais do país”; integrantes do Conselho lamentaram ainda que a Coreia do Norte esteja “desviando recursos na busca de mísseis balísticos enquanto seus cidadãos têm grandes necessidades não atendidas”.

Conselho de Segurança da ONU. Foto: ONU/Devra Berkowitz

Conselho de Segurança da ONU. Foto: ONU/Devra Berkowitz

Os integrantes do Conselho de Segurança da ONU expressaram nesta terça-feira (6) grande preocupação e condenaram de forma veemente os lançamentos de mísseis balísticos conduzidos pela Coreia do Norte na segunda-feira (5).

Segundo declaração presidencial do órgão da ONU, estes lançamentos são “graves violações das obrigações internacionais do país” sob diversas resoluções do Conselho de Segurança.

Os integrantes do Conselho afirmaram “deplorar” todas as atividades da Coreia do Norte com mísseis balísticos, incluindo esses lançamentos, mencionando que essas ações “aumentam as tensões”.

Eles também lamentaram que o país esteja “desviando recursos na busca de mísseis balísticos enquanto seus cidadãos têm grandes necessidades não atendidas”.

O órgão reiterou que a Coreia do Norte “deve se abster de outras ações, incluindo testes nucleares” e “cumprir plenamente suas obrigações” de acordo com as resoluções do Conselho de Segurança.

Os integrantes reiteraram a importância da manutenção da paz e da estabilidade na Península Coreana e no nordeste da Ásia em geral e expressaram seu compromisso com uma solução pacífica, diplomática e política para a crise.

Eles também concordaram que o Conselho de Segurança continuaria a monitorar de perto a situação e a tomar medidas significativas de acordo com sua determinação, já expressa anteriormente.