Conselho de Segurança lamenta morte de dois membros da missão de paz da ONU no Mali

Dois capacetes-azuis holandeses perderam a vida após queda de helicóptero durante exercícios militares no Mali.

O Conselho de Segurança da ONU expressou nesta quarta-feira (18) pesar pela morte de dois capacetes-azuis holandeses da Missão da ONU no Mali, em acidente de helicóptero na região de Gao.

“Os Estados-membros do Conselho de Segurança estendem as suas mais profundas condolências aos governos dos Países Baixos e às famílias dos militares, que perderam a vida neste trágico acidente.”

O Conselho também reitera seu total apoio ao representante especial do secretário-geral, Mongi Hamdi, e à Missão Multidimensional Integrada de Estabilização das Nações Unidas no Mali (MINUSMA) pelo auxílio às autoridades e ao povo do Mali em seus esforços para trazer paz e estabilidade duradouras para o seu país.

A MINUSMA foi estabelecida pelo Conselho de Segurança em abril de 2013 para apoiar os processos políticos no Mali e realizar uma série de tarefas relacionadas com a segurança, incluindo a proteção de civis e auxílio no restabelecimento da autoridade do Estado.