Conselho de Segurança da ONU volta a condenar uso de armas químicas na Síria

O Conselho de Segurança aprovou, nesta sexta-feira (06), uma resolução condenando o uso de qualquer produto químico tóxico – como, por exemplo, cloro – como arma na Síria, salientando que aqueles que usam essas armas devem ser responsabilizados, violando, claramente, a resolução do Conselho 2118 de 2013.

O Conselho reitera, no texto da resolução – apresentada pelos Estados Unidos – que a Síria “não deve utilizar, desenvolver, produzir, adquirir de outra forma, armazenar ou conservar armas químicas, ou, transferir, direta ou indiretamente, armas químicas para outros Estados ou atores não-estatais”. O texto também afirma que nenhuma das partes na Síria deve usar, desenvolver, produzir, adquirir, armazenar, conservar, ou transferir armas químicas.