Conselho de Direitos Humanos da ONU discute situações em RD Congo, Líbia, Ucrânia e Burundi

Durante os diálogos, os países-membros do Conselho de Direitos Humanos, cuja sede é em Genebra, discutem a situação dos direitos humanos com as delegações de um determinado país; os quatro países participantes do debate desta semana passam por conflitos civis internos.

Criança recebe a vacina contra o sarampo no campo de Kibati II, no leste da República Democrática do Congo. Foto: OMS/Chistopher Black

Criança recebe a vacina contra o sarampo no campo de Kibati II, no leste da República Democrática do Congo. Foto: OMS/Chistopher Black

Durante uma série de diálogos interativos sobre República Democrática do Congo (RDC), Líbia, Ucrânia e Burundi, funcionários de direitos humanos da ONU e especialistas independentes instaram nesta terça (27) os governos a tomar medidas imediatas para garantir a proteção dos direitos humanos em seus respectivos países.

Durante os diálogos, os países-membros do Conselho de Direitos Humanos, cuja sede é em Genebra, discutem a situação dos direitos humanos com as delegações de um determinado país, conforme a agenda do Conselho, bem como com outros membros do Conselho, funcionários do Escritório do Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos (ACNUDH) e com relatores especiais e peritos independentes.

O diálogo inclui uma apresentação ou uma reunião de funcionários do ACNUDH, seguido de discussões. Confira aqui, em inglês, um resumo dos debates.