Conflito na Ucrânia pode ser revertido, afirma secretário-geral da ONU

Situação de segurança é preocupante, disse Ban Ki-moon, que pediu uma solução política para a crise. Autoridades ucranianas anunciaram que a eleição presidencial será realizada ainda este mês.

Foto: PNUD Kiev

Foto: PNUD Kiev

“Ainda há tempo para reverter a situação de conflito na Ucrânia”, particularmente na região leste e sul do país, afirmou o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, nesta segunda-feira (12).

Preocupado com a escalada da crise ucraniana – e após referendos realizados durante o fim de semana em mais duas regiões do país –, Ban disse que “durante as últimas semanas, tem havido muita violência e pouco diálogo”.

Ele apelou “a todos aqueles que têm procurado minar a unidade da Ucrânia, a sua integridade territorial e estabilidade para acabar, imediatamente, com essas ações”.

“As autoridades de Kiev também devem continuar a responder a essas ações com precaução e dentro dos parâmetros da lei ucraniana e os princípios internacionais dos direitos humanos”, afirmou o secretário-geral.

Autoridades ucranianas anunciaram que a eleição presidencial será realizada ainda este mês. Ela estava originalmente programada para maio do ano que vem, mas foi antecipada após a crise política no país.