Conflito na Líbia ameaça duas cidades consideradas Patrimônios Mundiais, alerta UNESCO

A Diretora Geral da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), Irina Bokova, pediu nesta terça-feira (14/06) que as partes envolvidas no conflito armado na Líbia assegurem a proteção de dois Patrimônios Mundiais, a Cidade Velha de Ghadamès e a antiga cidade de Leptis Magna, ambas ameaçadas pelos bombardeios.

Segundo relatos da imprensa, a cidade oásis de Ghadamès, conhecida como “a pérola do deserto”, foi bombardeada por forças do Governo durante o fim de semana. A UNESCO também alertou para o fato de que a cidade de Leptis Magna – um antigo porto romano, com ruínas espetaculares e intocadas – poderia ser alvo de ataques aéreos da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN).

“Do ponto de vista cultural, a Líbia é de grande importância para a humanidade como um todo”, disse Bokova em carta aos Representantes Permanentes da UNESCO dos países envolvidos no conflito. “Diversos locais importantes testemunharam grandes avanços tecnológicos e artísticos dos ancestrais da população (líbia), e constituem um precioso legado”, completou.