Com aproximação de tempestade tropical, ONU se prepara para ajudar o Haiti

À medida que a tempestade tropical Tomas se aproxima do Haiti, as Nações Unidas e seus parceiros humanitários, continuam a enviar suprimentos urgentes a áreas-chave do país. Segundo relatório de avaliação do Escritório das Nações Unidas para a Coordenação dos Assuntos Humanitários (OCHA), os suprimentos já estão sendo pré-posicionados em zonas onde se espera maior intensidade das chuvas, como Jérémie, Les Cayes, Jacmel e Léogane.

À medida que a tempestade tropical Tomas se aproxima do Haiti, as Nações Unidas e seus parceiros humanitários, continuam a enviar suprimentos urgentes a áreas-chave do país. Segundo relatório de avaliação do Escritório das Nações Unidas para a Coordenação dos Assuntos Humanitários (OCHA), os suprimentos já estão sendo pré-posicionados em zonas onde se espera maior intensidade das chuvas, como Jérémie, Les Cayes, Jacmel e Léogane.

Ontem (02/11), o Coordenador Humanitário da ONU para o Haiti, Nigel Fisher, liderou uma missão interagencial a locais estratégicos para avaliar as medidas de preparação emergencial que estão sendo realizadas.

A Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (MINUSTAH), juntamente ao governo haitiano e seus parceiros, uniram forças para iniciar planos de contingência, mobilizar recursos e identificar falhas na organização devido à chegada iminente do furacão. Fisher destacou a necessidade de mais suprimentos para serem armazenados antes do furacão Tomas chegar à costa do Haiti. “Com os nossos colegas do Haiti, estamos apelando aos doadores, às organizações da região e aos parceiros da ajuda humanitária para nos ajudar a conseguir o que precisamos no momento”, afirmou.