Com apoio da ONU, Sudão aprende com experiência brasileira de combate à fome

O governo sudanês tem um projeto piloto nessa área e pretende criar uma política nacional de alimentação escolar, inspirada na experiência brasileira.

Delegação sudanesa se encontra com representantes do Brasil. Foto: PMA/Carolina Montenegro

Delegação sudanesa se encontra com representantes do Brasil. Foto: PMA/Carolina Montenegro

O Centro de Excelência contra a Fome das Nações Unidas recebe, nesta semana, uma delegação do Sudão, composta por quatro ministros de Estado acompanhados por dois membros da equipe do escritório do Programa Mundial de Alimentos (PMA) no Sudão, que participarão de uma visita de estudos para conhecer melhor a experiência brasileira de integração entre alimentação escolar e agricultura familiar.

O governo sudanês tem um projeto piloto nessa área e pretende criar uma política nacional de alimentação escolar, inspirada na experiência brasileira, e com base em sua própria experiência com os projetos de alimentação escolar desenvolvidos em parceria com o PMA.

O governo do Sudão espera aprender diretamente do governo brasileiro sobre a Estratégia Fome Zero, além de adquirir conhecimento técnico sobre o modelo brasileiro de gestão da cadeia de fornecimento de alimentos para o Programa Nacional de Alimentação Escolar.

Com a missão ao Brasil, espera ainda mobilizar o compromisso político de diferentes setores do governo para criar um quadro político e institucional favorável à criação da política nacional de alimentação escolar.

Acompanhe a visita em www.facebook.com/WFPCEAHBrazil