Cinco membros não permanentes do Conselho de Segurança da ONU serão eleitos hoje

Concorrem Argentina, Austrália, Butão, Camboja, Finlândia, Luxemburgo, República da Coreia e Ruanda. Escolha atende a critério regional e candidatos precisam dos votos de dois terços dos países presentes e votantes.

A Assembleia Geral da ONU se reúne hoje (18) para eleger cinco membros não permanentes do Conselho de Segurança para um mandato de dois anos, a partir de 1º de janeiro de 2013.

A votação será realizada por meio de voto secreto de seus 193 membros. Os candidatos precisam dos votos de dois terços dos países presentes e votantes para se tornarem membros do Conselho. Caso nenhum país alcance esta proporção de votos, a votação continuará até que os candidatos alcancem este número, mesmo que apenas um país esteja concorrendo à vaga em determinada região.

Butão, Camboja e República da Coreia estão disputando o assento para o grupo asiático, enquanto a Finlândia, Luxemburgo e Austrália estão competindo por duas vagas disponíveis para a Europa Ocidental e o Grupo “Outros”.

Ruanda é o único candidato para uma vaga para o Grupo Africano e Argentina para um assento para a América Latina e Caribe.

Os novos membros substituirão Colômbia, Alemanha, Índia, Portugal e África do Sul, cujos mandatos terminam em 31 de dezembro de 2012.

Os cinco membros permanentes do Conselho – que possuem poder de veto – são China, França, Rússia, Reino Unido e Estados Unidos. Os outros membros não permanentes são Azerbaijão, Guatemala, Marrocos, Paquistão e Togo, que permanecerão no Conselho de Segurança da ONU até o fim de 2013.