Chá de bebê promovido por Shakira e UNICEF garante vacinação contra pólio a 80 mil crianças

Numa sala virtual, fãs também compraram 3,8 toneladas de alimentos, quase 200 mil envelopes de sais de reidratação, mais de mil mosquiteiros contra malária e mais de 150 balanças portáteis. “Presentes inspiradores” serão distribuídos em alguns dos lugares mais pobres do mundo. Primeiro filho da cantora com o jogador de futebol do Barcelona Gerard Piqué nasceu em janeiro.

A Embaixadora da Boa Vontade do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) Shakira e o jogador de futebol do Barcelona Gerard Piqué agradeceram na sexta-feira (22) às centenas de milhares de fãs que participaram de seu chá de bebê. Por meio de uma sala virtual, eles compraram itens para salvar vidas de crianças vulneráveis apoiadas pelo UNICEF em todo o mundo.

“Estamos entusiasmados com a generosidade que foi mostrada pelos visitantes do site do nosso chá de bebê”, disse Shakira. O primeiro bebê do casal, Milan, nasceu em janeiro. “Graças a vocês, mais de 80 mil crianças serão protegidas da pólio e quase 200 mil envelopes de sais de reidratação serão distribuídos em momentos de necessidade, as 3,8 toneladas de alimentos terapêuticos arrecadados vão salvar muitas crianças da desnutrição aguda, entre outras ferramentas que salvam vidas que foram compradas para proteger bebês e crianças.”

A polio é uma doença altamente contagiosa e potencialmente mortal que muitas vezes deixa as crianças aleijadas, enquanto os sais de reidratação oral são uma maneira simples e de baixo custo para tratar a diarréia, segunda principal causa de morte em crianças menores de cinco anos.

No site do chá de bebê de Shakira e Piqué com o UNICEF, os visitantes aprenderam sobre muitos desafios para a sobrevivência das crianças e puderam comprar “presentes inspiradores” para ajudar bebês em todo o mundo a iniciar uma vida saudável.

Os fãs compraram mais de mil mosquiteiros tratados para que as crianças não peguem malária enquanto dormem – a doença mata uma criança por minuto na África. Também foram adquiridas mais de 150 balanças portáteis que ajudam a detectar desnutrição e doenças em bebês e crianças pequenas.

Todos os “presentes inspiradores” serão distribuídos pelo UNICEF em alguns dos lugares mais pobres do mundo.