CEPAL inicia curso de curta temporada para jovens de 14 países

Na edição atual da Escola para jovens investigadores serão discutidos temas como o desenvolvimento produtivo, as mudanças estruturais, emprego e distribuição de renda.

Secretárioa-executiva da CEPALA Secretária-Executiva da Comissão Econômica para América Latina e Caribe (CEPAL), Alicia Bárcena, inaugurou nesta segunda-feira (04/07) o curso Escola de Verão 2011, com duração de dois meses, para 25 jovens estudantes de 14 países.

Na edição atual da Escola para jovens investigadores serão discutidos temas como o desenvolvimento produtivo, as mudanças estruturais, emprego e distribuição de renda. Também será dada especial atenção à relação entre inovação e desenvolvimento, e avanços na economia da mudança climática.

“A CEPAL está fazendo hoje uma grande reflexão sobre o papel do Estado, mercado e sociedade na América Latina e no Caribe. Precisamos construir um novo contrato social nos países da região”, disse Alicia Bárcena.

Desde a sua criação em 2000 o programa já treinou mais de 300 alunos, criando uma rede de jovens pesquisadores interessados em questões de desenvolvimento na América Latina e no Caribe a partir de uma perspectiva regional.