CEPAL apresenta estatísticas atualizadas de investimento estrangeiro direto na América Latina e Caribe

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

A Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL) divulgará seu relatório anual “O Investimento Estrangeiro Direto na América Latina e Caribe 2017” na quinta-feira (10), às 11h (12h de Brasília) na sede do organismo regional das Nações Unidas em Santiago, no Chile.

A secretária-executiva da CEPAL, Alicia Bárcena, apresentará as principais conclusões do estudo que examina a evolução mundial e regional dos fluxos de investimento estrangeiro direto (IED). A coletiva de imprensa será transmitida ao vivo pelo site da instituição.

CEPAL apresenta dados sobre investimento estrangeiro direto na América Latina. Foto: Agência Brasil

CEPAL apresenta dados sobre investimento estrangeiro direto na América Latina. Foto: Agência Brasil

A Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL) divulgará seu relatório anual “O Investimento Estrangeiro Direto na América Latina e Caribe 2017” na quinta-feira (10), às 11h (12h de Brasília) na sede do organismo regional das Nações Unidas em Santiago, no Chile.

A secretária-executiva da CEPAL, Alicia Bárcena, apresentará em coletiva de imprensa as principais conclusões do estudo que examina a evolução mundial e regional dos fluxos de investimento estrangeiro direto (IED). A coletiva será transmitida ao vivo por videoconferência para o escritório da CEPAL no Brasil e pelo site da instituição. (http://www.cepal.org/es/cepal-en-vivo).

O primeiro capítulo do relatório apresenta um completo panorama do IED na região: são detalhados os valores recebidos por cada país em 2016 e é feita uma projeção regional para 2017. Também são apresentados os setores mais e menos dinâmicos e a situação das empresas transnacionais latino-americanas, conhecidas como translatinas.

O segundo capítulo analisa as mudanças recentes observadas na indústria automotiva em nível global, considerada um pilar da economia mundial e um impulsor do avanço tecnológico. São analisados aspectos como a relocalização, os modelos de negócios e seu impacto na revolução tecnológica. O terceiro capítulo é dedicado especificamente à indústria automotiva mexicana, descrita como “um caso de êxito sob tensão”.

Os meios de comunicação estão convidados a participar da coletiva de imprensa por videoconferência no escritório da CEPAL no Brasil, às 12h de Brasília, na quinta-feira (SBS. Edifício BNDES, 17. Andar – Brasília – DF) ou pelo site da instituição.

 


Mais notícias de:

Comente

comentários