Cantora Katy Perry visita programas do UNICEF em Madagascar

No país, mais de três em cada quatro crianças vivem em extrema pobreza. Apenas três em cada 10 crianças completam a educação básica e a maioria dos professores não possui qualquer formação formal.

Katy Perry mostra às crianças como lavar as mãos corretamente, durante uma visita a pré-escola na aldeia de Sahavola, na região de Analanjirofo, Madagascar. Foto: UNICEF/Holt

Katy Perry mostra às crianças como lavar as mãos corretamente, durante uma visita à pré-escola na aldeia de Sahavola, na região de Analanjirofo, Madagascar. Foto: UNICEF/Holt

A cantora e compositora americana Katy Perry fez uma parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) para chamar a atenção para a situação das crianças em Madagascar, um dos países mais pobres do mundo.

“Em menos de uma semana aqui em Madagascar, eu fui de favelas lotadas na cidade a aldeias remotas e meus olhos se abriram para a incrível necessidade de uma vida saudável — nutrição, saneamento e proteção contra estupro e abuso — temas em que o UNICEF está intervindo para ajudar a fornecer”, disse Perry durante sua visita.

Madagascar ainda se recupera de uma crise política que começou em 2009. Após a instabilidade, a maioria dos doadores internacionais congelou a ajuda ao desenvolvimento do país, obrigando o Governo a fazer cortes drásticos nos gastos públicos. Os cortes afetaram serviços básicos como educação e saúde.

UNICEF/Holt

Foto: UNICEF/Holt

No país, mais de três em cada quatro crianças vivem em extrema pobreza. As taxas de escolarização são assustadoramente baixas: apenas três em cada 10 crianças completam a educação básica e a maioria dos professores não possui qualquer formação formal.

“Sou grata ao UNICEF por me dar a oportunidade de ver em primeira mão como seus programas fazem uma diferença real na vida das crianças. O apoio da UNICEF está salvando crianças. Eu sou uma testemunha”, revelou a cantora que, em sua a primeira visita como parceira da agência, conheceu uma ampla gama de seus programas, de educação e nutrição a saneamento e higiene.