Brasília assina acordo com UNESCO para promover turismo cultural na cidade

Além de enfocar a valorização de Brasília como destino turístico cultural, o Projeto também se preocupa em despertar um maior compromisso da comunidade local com o patrimônio urbano.

Palácio da Alvorada em Brasília. (Ichiro Guerra/PR)O Representante da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura no Brasil (UNESCO), Lucien Muñoz, e o Secretário de Turismo do Distrito Federal, Luis Otávio Neves, assinaram na sexta-feira (20), um Acordo de Cooperação Técnica cujo objetivo é contribuir para promover e qualificar Brasília como destino turístico cultural à altura da sua condição de Patrimônio da Humanidade.

“O Projeto de Cooperação foi motivado pela convicção de que há muito por fazer para que, além de destino cívico e de turismo de negócios, a cidade seja reconhecida e valorizada como destino turístico cultural, tanto em âmbito local, como nacional e internacionalmente”, explica o Secretário de Turismo do DF, Luis Otávio.

Além de sua arquitetura e urbanismo, ícones mundiais do Movimento Moderno e um marco na história do país, a cidade faz parte das rotas nacionais e internacionais de transporte aéreo, tem boa infraestrutura de serviços de hospedagem e, ainda, conta com excepcionais atrativos naturais em seu entorno.

Brasília como destino cultural

Brasília vem despontando para o turismo, mas, para se estabelecer como destino cultural, a cidade precisa aprimorar alguns aspectos apontados pelos técnicos que participaram na elaboração do Projeto de Cooperação e que poderão ser trabalhados com a assinatura do acordo.

Dentre esses pontos estão a maior sensibilização e capacitação do receptivo turístico para o segmento cultural; qualificação da oferta de atrativos culturais como roteiros interpretativos e programas de visitas bem fundamentados; regularidade na oferta de atrativos culturais; melhor sinalização e disseminação dos pontos turísticos; melhorias nos equipamentos culturais para que recebam maior fluxo de visitantes; melhores condições de acesso para que a cidade possa ser explorada por percursos a pé e de bicicleta, entre outros.

Além de enfocar a valorização de Brasília como destino turístico cultural, o Projeto também se preocupa em despertar um maior compromisso e envolvimento da comunidade local para com a valorização do seu patrimônio.