Brasileiros são nomeados para conselho do Pacto Global, iniciativa empresarial da ONU

Foram anunciados nesta quarta-feira (20), em Nova Iorque, os novos membros do conselho do Pacto Global da ONU, instância máxima responsável por definir as estratégias e políticas da iniciativa empresarial das Nações Unidas.

Entre eles estão o secretário-executivo da Rede Brasil do Pacto Global, Carlo Pereira, e o fundador e copresidente do Conselho de Administração da empresa brasileira Natura, Guilherme Peirão Leal.

Secretário-executivo da Rede Brasil do Pacto Global da ONU, Carlo Pereira, um dos dois brasileiros nomeados para o conselho global da iniciativa. O outro é o fundador e copresidente do Conselho de Administração da empresa brasileira Natura, Guilherme Peirão Leal. Foto: Rede Brasil do Pacto Global

Secretário-executivo da Rede Brasil do Pacto Global da ONU, Carlo Pereira, um dos dois brasileiros nomeados para o conselho global da iniciativa. O outro é o fundador e copresidente do Conselho de Administração da empresa brasileira Natura, Guilherme Peirão Leal. Foto: Rede Brasil do Pacto Global

Foram anunciados nesta quarta-feira (20), em Nova Iorque, os novos membros do conselho do Pacto Global da ONU, instância máxima responsável por definir as estratégias e políticas da iniciativa empresarial das Nações Unidas.

Entre eles estão o secretário-executivo da Rede Brasil do Pacto Global, Carlo Pereira, e o fundador e copresidente do Conselho de Administração da empresa brasileira Natura, Guilherme Peirão Leal.

Os membros do conselho são indicados pelo secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres. Sete novos membros foram indicados junto aos remanescentes e aos previamente anunciados vice-presidentes Bola Adesola e Paul Polman. O secretário-geral continuará em seu atual cargo como presidente do conselho.

“Estamos satisfeitos em anunciar o novo conselho do Pacto Global das Nações Unidas, liderado pelo secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, com Bola Adesola e Paul Polman nos cargos de vice-presidentes”, disse Lise Kingo, CEO e diretora-executiva do Pacto Global da ONU.

“Esse novo conselho é o mais diverso e eficiente que o Pacto Global da ONU já teve, com membros representando negócios por todo o mundo junto à sociedade civil e outros atores. Juntos, eles irão ajudar a guiar a direção estratégica do Pacto Global da ONU, enquanto trabalhamos para mobilizar um movimento global de empresas e instituições sustentáveis para criar o mundo que queremos. Eu espero ansiosamente para trabalhar com cada membro de nosso conselho pelos próximos anos.”

O conselho do Pacto Global da ONU tem um papel importante na definição das estratégias e políticas da iniciativa, que atuam como o modelo de negócios sustentáveis das Nações Unidas. Proposto como um órgão de diferentes atores, o conselho fornece assessoria estratégica e diplomática para a inciativa.

Os membros do conselho são considerados aptos e dispostos a dar continuidade à missão do Pacto Global da ONU. Eles atuam em competência pessoal, honorária e não remunerada.

À medida que se aproxima o terceiro aniversário da adoção dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), o conselho do Pacto Global da ONU será estratégico em ajudar a trazer o mundo dos negócios para a mesa, em suporte à Agenda 2030.

Para acessar a nova composição, clique aqui.