Banco Mundial: queda no preço do petróleo deve beneficiar países em desenvolvimento

O relatório semestral, Perspectivas Econômicas Globais, afirma que os países em desenvolvimento deverão crescer 4,8% em 2015 e 5,4% em 2017, após uma expansão de 4,4% no ano passado.

Países em desenvolvimento cresceram 4,4% em 2014. Foto: Salvador Scofano/Fotos Públicas

Países em desenvolvimento cresceram 4,4% em 2014. Foto: Salvador Scofano/Fotos Públicas

Depois de um ano decepcionante economicamente, os países em desenvolvimento podem esperar um aumento no crescimento em 2015, graças ao baixo preço do petróleo, a recuperação da economia dos Estados Unidos e as baixas taxas de juros globais, afirma um novo estudo do Banco Mundial, divulgado nesta terça-feira (13).

O relatório semestral, Perspectivas Econômicas Globais, projeta uma expansão da economia global de 3% para 2015, 3,3% para 2016 e 3,2%  para 2017 – uma boa notícia, se comparada com a expansão de 2014, que foi de 2,6%. Em relação aos países em desenvolvimento, o relatório diz que deverão crescer 4,8% em 2015 e 5,4% em 2017, após uma expansão de 4,4% no ano passado.

“Neste ambiente econômico incerto, os países em desenvolvimento precisam administrar criteriosamente seus recursos para apoiar programas sociais com foco sobre os mais pobres e realizar reformas estruturais que invistam nas pessoas”, explicou o presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim, no lançamento do relatório.

“Também é fundamental remover quaisquer obstáculos desnecessários para o investimento do setor privado”, disse Kim. “O setor privado é de longe a maior fonte de postos de trabalho e pode tirar centenas de milhões de pessoas da pobreza”, concluiu.