Ban Ki-moon elogia esforços chineses para o desenvolvimento sustentável

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, reuniu-se nesta sexta-feira (8) com o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, em Pequim, onde cumprimentou os esforços do país em prol da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

ban_premierO secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, reuniu-se nesta sexta-feira (8) com o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, em Pequim, onde cumprimentou os esforços do país em prol da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

“O secretário-geral cumprimentou os esforços da China para a implementação da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável ao alinhar seu plano de cinco anos com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável”, disse nota emitida pelo porta-voz do secretário-geral.

Ban também elogiou a liderança do país na Cooperação Sul-Sul, afirmando que a China é essencial para o avanço da agenda do desenvolvimento sustentável no mundo.

Durante a reunião, o chefe da ONU disse contar com a liderança chinesa para resolver desafios regionais e globais, e disse estar ansioso para receber o premiê na 71ª Assembleia Geral da ONU em setembro.

Ban elogia relações da China com a ONU

O secretário-geral das Nações Unidas também elogiou as relações da China com a ONU, notando em particular sem papel-chave na diminuição de tensões, construção da paz e na promoção da agenda para o clima.

“Como membro permanente do Conselho de Segurança e um ator global reconhecido, a China tem um papel essencial em ajudar a reduzir tensões, construir a paz e fornecer assistência a locais problemáticos do mundo, do Oriente Médio à África e a outros locais”, disse o secretário-geral em coletiva de imprensa conjunta com o ministro das Relações Exteriores chinês, Wang Yi.

Ban também elogiou o compromisso da China de ratificar o Acordo de Paris para o clima antes da reunião do G20 em setembro, e pediu que ele encoraje outros membros da ONU a fazer o mesmo este ano.