Avião fretado pela ONU chega ao Iraque com ajuda humanitária urgente para refugiados sírios

Aeronave com 340 tendas familiares, 42 toneladas de biscoitos de alto teor energético e 15 toneladas de barras nutricionais especiais pousa em Erbil. Caminhões com mantimentos também chegam à região.

Refugiadas sírias no Iraque recebem ajuda do Programa Mundial de Alimentos. Foto: PMA/Abeer Etefa

Um voo fretado transportando suprimentos urgentes para os refugiados sírios chegou em Erbil, Iraque, nesta terça-feira (27), informaram agências das Nações Unidas.

O voo fretado pelo Programa Mundial de Alimentos (PMA) levou 340 tendas familiares, 42 toneladas de biscoitos de alto teor energético e 15 toneladas de barras nutricionais especiais doadas pela Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional. Os suprimentos serão distribuídos pelo PMA e pelo Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR).

Ao longo das últimas duas semanas, mais de 44 mil refugiados sírios atravessaram a fronteira para a região curda do norte do Iraque. “Com o apoio do governo na região do Curdistão, o ACNUR, o PMA e os nossos parceiros estão em uma corrida contra o tempo para atender às necessidades dos dezenas de milhares de recém-chegados”, disse a representante do ACNUR no Iraque, Claire Bourgeois.

O PMA também está mobilizando mais de 37 mil kits para alimentar até 185 mil pessoas durante um mês. Cerca de 25 caminhões, transportando 500 toneladas de alimentos, chegaram nesta segunda-feira (26) da Turquia para suprir as necessidades alimentares dos refugiados.

O ACNUR e o PMA disseram que a maioria dos sírios recém-chegados foram transferidos para o acampamento Kawergosk, perto de Erbil, que agora é o lar de cerca de 15 mil refugiados. “Nos últimos 12 dias, os trabalhadores humanitários transformaram o inóspito local de Kawergosk em um campo de refugiados em expansão, preparado para os piores invernos do Norte do Iraque”, disseram as agências.

O ACNUR enviou mais de 120 caminhões de ajuda humanitária para campos e diversos centros de hospedagem para os recém-chegados, com mais suprimentos sendo enviados dos estoques da agência na Jordânia. O PMA distribuiu no acampamento de Kawergosk mais de 1,5 mil pacotes familiares de comida, o suficiente para alimentar 7,5 mil pessoas durante um mês.

Quase 200 mil sírios fugiram para o Iraque desde o início do conflito na Síria em março de 2011. Atualmente, cerca de 30% residem em acampamentos e 70% vivem em comunidades iraquianas.