Até 2015 é possível reduzir pela metade as mortes por tuberculose de infectados com HIV

Como parte das ações da Reunião de Alto Nível das Nações Unidas sobre a AIDS, que começa hoje (08/06), a Stop TB Partnership apresentou cinco passos simples que podem prevenir a tuberculose (TB), responsável por uma em cada quatro mortes relacionadas à AIDS. Cerca de 400 mil pessoas morrem de TB relacionada ao HIV a cada ano, de acordo com a TB Partnership, que destaca que as medidas apresentadas poderiam tratar e prevenir a tuberculose, salvando a vida de um milhão de pessoas com HIV/AIDS em todo o mundo até 2015.

“Tem havido uma onda de conscientização sobre a epidemia mortal de tuberculose entre pessoas vivendo com HIV, mas pouca ação”, disse o Enviado Especial do Secretário-Geral para o Combate à Tuberculose e ex-Presidente de Portugal, Jorge Sampaio. “Agora, novos trabalhos científicos têm demonstrado que podemos impedir um milhão de mortes entre pessoas vivendo com HIV até o final de 2015, fornecendo assistência integrada do HIV e da TB”, acrescentou.

Os cinco passos estão contidos em um novo modelo científico – “Hora de agir: salve milhões de vidas até 2015 – Previna e trate a tuberculose em pessoas vivendo com HIV” – lançado na sede da ONU dois dias antes do início da reunião de alto nível para analisar a resposta global à epidemia de AIDS. As etapas incluem testes de HIV e TB a cada três anos em locais onde as duas doenças são prevalentes, bem como a solicitação de tratamento da tuberculose para cada pessoa que vive com HIV e tuberculose ativa – ou tratamento para prevenir a tuberculose.

Em 2010, a ‘Stop TB Partnership’ e o Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS) definiram o objetivo comum de reduzir pela metade, até 2015, o número de mortes entre pessoas vivendo com HIV, em comparação com os níveis de 2004. “Reduzir pela metade as mortes por tuberculose de pessoas vivendo com HIV até 2015 é possível e está ao nosso alcance,” disse o Diretor Executivo do UNAIDS, Michel Sidibé.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), havia 9,4 milhões de novos casos de tuberculose estimados no mundo todo em 2009, dos quais 1,1 milhão seria entre pessoas vivendo com o HIV. Em um esforço de sensibilização para as duas doenças, na semana passada, a cantora chinesa Peng Liyuan foi designada Embaixadora da Boa Vontade para a Tuberculose e o HIV/AIDS. Ela participará de uma série de eventos de grande visibilidade para promover uma ação conjunta contra duas doenças responsáveis ​​pela morte de mais de 3,5 milhões de pessoas em 2009.