Bandeira do movimento LGBT. Foto: Agência Brasil/Marcelo Camacho

Doze agências da ONU lançam declaração sobre direitos das pessoas lésbicas, gays, bissexuais, transgêneros e intersexuais

“A violência e a discriminação contra as pessoas com base na orientação sexual, identidade de gênero e características sexuais biológicas violam os direitos humanos e empobrece comunidades inteiras. É por isso que as agências das Nações Unidas se uniram para estimular a mudança”, disse o chefe de Assuntos Globais do Escritório de Direitos Humanos da ONU, Charles Radcliffe.