Agências humanitárias trabalham para resgatar infância perdida no Sudão do Sul; vídeo

James Korok tem apenas 19 anos, mas já passou por toda uma vida de dor lutando como uma criança-soldado na guerra civil no Sudão do Sul. Ele teve sorte. Liberado pelas forças armadas na remota área de Pibor, James está de volta à escola e está aprendendo a ser um alfaiate. Membros do Conselho de Segurança das Nações Unidas visitou a região em novembro desse ano para ouvir histórias dessas crianças. Confira nesse vídeo.


Comente

comentários