Agências da ONU levam ajuda humanitária a alagados no Afeganistão e Paquistão

OMS vai fornecer kits de emergência e contra diarreia, tabletes de purificação de água e remédios contra malária para 5 mil pessoas no Paquistão. PMA vai entregar comida suficiente para dois meses no Afeganistão.

Foto: UNOCHA

A Organização Mundial da Saúde (OMS) vai fornecer kits de emergência e contra a diarreia, tabletes de purificação de água e remédios contra malária para 5 mil pessoas no Paquistão por causa das enchentes que atingem o país. Outras agências humanitárias da ONU estão prontas para auxiliar se requisitadas.

O Governo informou que 80 pessoas morreram, 36 ficaram feridas e mais de 81 mil estão deslocadas. O Escritório das Nações Unidas de Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA) acompanha de perto a situação e disse que milhares de hectares de plantações foram devastados.

No Afeganistão, ao menos 13 aldeias foram afetadas e o Programa Mundial de Alimentos (PMA) vai entregar comida suficiente para dois meses. O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) atua para fornecer água e saneamento. “Parceiros humanitários e da ONU estão prontos para fornecer alimentos, utensílios domésticos básicos, água, saneamento e apoio de emergência médica, se necessário”, declarou o OCHA.