Agência da ONU promove treinamento no Rio para prevenção da violência por meio do esporte

AUMENTAR LETRA DIMINUIR LETRA

O Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) realiza nesta terça e quarta-feira (13 e 14) uma atividade de formação para treinadores esportivos e professores de educação física no Estádio de Remo da Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro.

O treinamento faz parte do projeto “Vamos Nessa”, que reforça a resiliência de jovens em situação de risco por meio do estímulo ao desenvolvimento de esportes e de habilidades para a vida.

Foto: UNODC

Foto: UNODC

O Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) realiza nesta terça e quarta-feira (13 e 14) uma atividade de formação para treinadores esportivos e professores de educação física no Estádio de Remo da Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro. O evento ocorre nas instalações do Centro de Treinamento de Remo do Estado do Rio de Janeiro, com apoio da Superintendência de Desportos do Estado do Rio de Janeiro (SUDERJ).

A atividade faz parte do programa “Vamos Nessa” (“Line Up, Live Up”, na versão em inglês), iniciativa global do UNODC para a prevenção da violência e da criminalidade entre jovens por meio da prática esportiva.

Estarão presentes no evento ONGs que trabalham com foco no esporte como meio de transformação social, como Instituto Reação, Luta pela Paz, Craque do Amanhã, Bola pra Frente, entre outras. O objetivo é compartilhar conhecimentos sobre o potencial preventivo dos esportes e fazer os ajustes finais na metodologia do “Vamos Nessa”, que será implementada no Brasil e em outros países.

O “Vamos Nessa” trabalha com adolescentes em situação de risco, entre 11 e 17 anos, para reforçar a resiliência por meio do estímulo ao desenvolvimento de habilidades para a vida. Nesse processo, a formação de treinadores e professores de educação física é o ponto crucial para abordar vulnerabilidades à violência, ao crime e ao abuso de drogas.

A iniciativa foge das tradicionais palestras para investir em professores/treinadores como agentes de transformação no contexto da própria prática esportiva. A partir de jogos e atividades lúdicas os adolescentes se engajam na busca de soluções para desafios colocados na transição para a vida adulta.

As sessões de prevenção estão sendo implementadas em 11 Centros Olímpicos do Distrito Federal, e buscam inicialmente atingir 800 jovens. A segunda etapa do projeto prevê atividades nas Vilas Olímpicas cariocas por meio do estabelecimento de parcerias com o município e o estado do Rio de Janeiro.

O programa está sendo testado no Brasil e seguirá para outros países como África do Sul, Peru, Palestina e Quirguistão.

Contato para mais informações:

Nivio Nascimento (61) 98159 89 88 ou nivio.nascimento@unodc.org
Rodrigo Araújo (61) 99847 1005 ou rodrigo.araujo@unodc.org


Mais notícias de:

Comente

comentários