Agência da ONU constrói escolas de impacto ambiental zero em Gaza

Em parceria com o arquiteto Mario Cucinella, UNRWA vai construir 20 escolas auto-sustentáveis em água e energia. Cada escola deverá atender cerca de 800 estudantes.

Estudantes de uma escola da UNRWA em Jerusalém Oriental.A Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados Palestinos (UNRWA), em parceria com o arquiteto Mario Cucinella, irá construir 20 escolas ecologicamente corretas na Faixa de Gaza. O plano para as escolas de impacto ambiental zero será apresentado na Conferência das Nações Unidas sobre o Clima em Durban (África do Sul).

Segundo a UNRWA, as escolas custarão dois milhões de dólares – quase o mesmo custo da construção de escolas normais – e serão auto-sustentáveis em água e energia, recebendo, cada uma, cerca de 800 estudantes. O objetivo do projeto é promover um alto padrão acadêmico nas escolas e, ao mesmo tempo, criar mais conscientização e respeito pelo meio ambiente.

“Este projeto é inédito para a UNRWA e esperamos que ele leve à criação de escolas ecologicamente corretas nas cinco regiões em que trabalhamos” afirmou o Comissário-Geral da agência, Filippo Grandi, dizendo que tais escolas também deverão ser construídas na Cisjordânia, Jordânia, Líbano e na Síria.