Agência da ONU apoia avanços na produção do camarão na América Latina e no Caribe

Parceria entre a ONUDI e o Fundo para o Desenvolvimento Internacional da OPEP vai melhorar a produtividade da cadeia produtiva do camarão na região.

A iniciativa apoiará o desenvolvimento sustentável do setor da pesca na região da América Latina e do Caribe através da promoção de recursos mais eficientes. Foto: Wikicommons/Alpha (CC)

A iniciativa apoiará o desenvolvimento sustentável do setor da pesca na região da América Latina e do Caribe através da promoção de recursos mais eficientes. Foto: Wikicommons/Alpha (CC)

A Organização da ONU para o Desenvolvimento Industrial (ONUDI) e o Fundo para o Desenvolvimento Internacional (OFID) da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) vão combinar os seus recursos técnicos e financeiros para ajudar a melhorar a produtividade e a competitividade da cadeia de valor do camarão na América Latina e reforçar a cooperação regional na área.

“Para os países latino-americanos, como a Colômbia, Cuba, República Dominicana, Equador, México e Nicarágua, o setor de carcinicultura representa uma importante fonte de renda. No entanto, na maioria destes países, há uma necessidade de aumentar a produtividade e competitividade do setor e a sua conformidade com os padrões internacionais de qualidade e ambientais”, disse o diretor-geral da ONUDI, Li Yong.

O diretor-geral do OFID, Suleiman Jasir Al-Herbish, acrescentou que o projeto “apoiará o desenvolvimento sustentável do setor da pesca na região da América Latina e do Caribe através da promoção de recursos mais eficientes, de práticas amigáveis ao meio ambiente e socialmente justas na aquicultura”.

“Ele também irá contribuir para os esforços de redução da pobreza através da criação de oportunidades de emprego e geração de renda direta e indireta, bem como a melhoria da segurança alimentar e nutricional”, acrescentou.