ACNUR elogia reassentamento e integração de refugiados na Austrália e Nova Zelândia

O Alto Comissário agradeceu os dois governos por suas contribuições ao Fórum Global de Políticas do ACNUR por seus programas anuais de reassentamento e doações financeiras.

ACNUR elogia reassentamento e integração de refugiados na Austrália e Nova ZelândiaO Alto Comissário da ONU para Refugiados, António Guterres, elogiou as contribuições da Austrália e da Nova Zelândia para a proteção de refugiados no mundo. Durante recente visita aos dois países, Guterres conheceu seus programas de reassentamento e integração. O Alto Comissário agradeceu os dois governos por suas contribuições ao Fórum Global de Políticas do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR) por seus programas anuais de reassentamento e doações financeiras.

Em Hamilton, Nova Zelândia, ele assistiu à apresentação de um grupo de refugiados que celebrava a tradicional powhiri – ou cerimônia de boas vindas.

Há mais de uma década separados de sua família, uma garota e seu irmão finalmente se reuniram com sua mãe e outros parentes por meio do programa neozelandês de reassentamento, podendo recomeçar suas vidas em Hamilton. A cerimônia de acolhida de uma família de refugiados de Mianmar foi realizada em uma casa de reuniões Maori, em respeito à tradição dos povos indígenas da Nova Zelândia de dar as boas vindas aos refugiados recém-chegados.

“Esta é uma das cerimônias de recepção mais genuínas e comoventes que já vi”, comentou Guterres. O Alto Comissário também conheceu alguns aspectos do projeto de reassentamento na Nova Zelândia e se reuniu com ministros, funcionários governamentais, ONGs e grupos comunitários para discutir as atuais estratégias do novo governo em relação ao acesso a serviços básicos, como educação, capacitação, saúde e habitação.

 

Para mais informações, clique aqui