Abertas inscrições para premiação sobre ensino de arte nas escolas brasileiras

Até 28 de maio, professores de arte poderão se inscrever no 18º Prêmio Arte na Escola Cidadã, uma iniciativa do Instituto Arte na Escola em cooperação com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) no Brasil e com o Banco Bradesco. Premiação vai reconhecer projetos desenvolvidos em diferentes níveis de ensino. No Brasil, existem mais de 500 mil docentes ministrando a disciplina de artes na educação básica.

Até 28 de maio, professores de arte poderão se inscrever no 18º Prêmio Arte na Escola Cidadã, uma iniciativa do Instituto Arte na Escola em cooperação com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) no Brasil e com o Banco Bradesco. Premiação busca dar visibilidade a iniciativas voltadas para o ensino artístico em escolas das cinco regiões do Brasil. No país, existem mais de 500 mil docentes ministrando a disciplina de artes na educação básica.

A competição é dividida em cinco categorias – Educação Infantil, Ensino Fundamental 1, Ensino Fundamental 2, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA). Podem participar professores que tenham desenvolvido projetos em Artes Visuais, Dança, Música ou Teatro, entre 2015 e maio de 2017, em escolas de ensino regular, públicas ou particulares.

As inscrições devem ser feitas exclusivamente por meio do site www.artenaescola.org.br/premio, até o dia 28/058/2017. Todos os inscritos receberão um material com proposta educativa a partir da obra “Puros e Duros” (1991), de Leonilson, artista homenageado nesta edição do Prêmio.

Premiação

Os projetos finalistas serão analisados por uma Comissão Nacional, formada por especialistas em educação e em cada uma das linguagens artísticas contempladas pelo Prêmio.

Os professores premiados receberão 10 mil reais, publicações e certificado, além de participarem da cerimônia de premiação e de vivências culturais na cidade de São Paulo. As escolas nas quais os projetos foram desenvolvidos também ganharão prêmios, como equipamentos e publicações para a biblioteca.

Cada professor vencedor terá ainda seu projeto registrado em um documentário produzido pelo Instituto Arte na Escola. Os cinco documentários serão posteriormente disponibilizados como materiais de formação para outros professores de artes.

O Prêmio Arte na Escola Cidadã é realizado pelo Instituto Arte na Escola por meio da Lei de Incentivo à Cultura. A iniciativa conta com o patrocínio do Bradesco e, desde 2000, ano de sua primeira edição, conta com a cooperação da UNESCO. Saiba mais sobre os parceiros clicando aqui.